Cartagena com pouca grana

Atualizado: Abr 18


Quem quer saber sobre esse roteiro completo, basta acessar o link aqui.

Dá pra viajar para a Colômbia com pouco dinheiro sim e a gente já mostrou isso bem detalhado no Blog. E como muita gente pergunta sobre uma das cidades mais maneiras da trip, é claro que que a gente não ia deixar de falar sobre ela: Cartagena de Indias... e com pouca grana!

Resolvemos escrever outro artigo, exclusivamente sobre a cidade de Cartagena das India, que é famosa pelos turistas que pisam em solo colombiano, mas que muitas vezes acabam se limitando a visitar somente a parte da cidade amuralhada, que por ser o pico mais turístico, os preços costumam ser mais salgados, apesar da desvalorização da moeda.


O fato também de quem é adepto ao Eco Durismo, não faz questão de se hospedar em lugares mais alternativos só pelo preço mais em conta, mas sim pela vivência que normalmente essas experiências nos permitem conhecer.

E lá não foi diferente. Ao chegarmos no Aeroporto da cidade, depois de passar uns dias no clima agradável de Bogotá, sentimos no momento que desce do avião aquele bafo quente e úmido de boas vindas ao Caribe. Nos direcionamos ao centro para procurarmos uma hospedagem pelo menos para um noite, já que era tarde e não conhecíamos o lugar ainda. Nem sequer cogitamos ir para a cidade amuralhada de primeira, pois sabíamos que seria mais caro por lá.

Optamos pelo bairro Getsemani e entramos num hostel bem modesto numa das ruas e fechamos um quarto a R$ 12,00 por pessoa, somente para aquela noite e no dia seguinte pela manhã continuaríamos a buscar um lugar mais de boa. O hostel era de fato muito simples, um calor infernal e a única forma de ventilação era um ventilador de teto tipo de bordel. KKK mas faz parte... passamos uma noite apenas, depois de dar uma volta pelo bairro com botequins, cerveja extremamente barata (em média R$ 3,50 a garrafa) e alguns artistas se apresentando na rua.


O dia amanheceu e partimos para a missão de achar um lugar mais habitável, porém no mesmo bairro, já que gostamos da vibe ali... e foi próximo a Plaza de La Trinindad que encontramos um hostel, porém com cara de casa e desenrolamos o preço de R$ 50,00 a diária para 03 pessoas... com direito a ar condicionado , banheiros limpos e uma cozinha compartilhada... chic demais... o nome do local de chama Soka Taro, porém infelizmente não tem links na internet... apenas quem chega lá e desenrola pessoalmente. A noite é muito tranquilo na vizinhança, e a essa praça central é uma espécie de uma mina Lapa Carioca, versão colombiana, com diversos artistas de rua, botequins baratos, gringos misturados com vendedores de drogas, ambulantes, etc....

Fomos alguns poucos dias no centro histórico da Cidade Amuralhada, onde de fato, disparado os preços são mais altos, a noite é mais arrumadinha, com restaurantes tocando musica, hostels mais descoladinhos e polícia rodando de um lado pro outro... É tudo muito lindo, e com certeza dá pra se aproveitar bastante, mas com certeza, pra quem é da bagunça e quer vivenciar a noite com os locais, indicamos visitar os bairros do lado de fora.

Durante o dia, mesmo esquema, para comer ou beliscar algo rodamos pelos bairros vizinhos e é possível achar boas opções na faixa de R$ 8,00 um prato de refeição.

O que fazer em Cartagena?